Anúncios
Início > Manutenção > TÉCNICA – Conserto de aleta direcionadora de ar condicionado split

TÉCNICA – Conserto de aleta direcionadora de ar condicionado split


Fig 1 - Ar condicionado tipo split Midea 9000 BTUs.

Fig 1 – Ar condicionado tipo split Midea 9000 BTUs.

Atualmente, os aparelhos de ar condicionado split (divididos) estão popularizados, pois são práticos, silenciosos e não requerem uma abertura exclusiva na parede, como os aparelhos integrados. Outra vantagem é a instalação alta, propícia para climas quentes, pois o ar frio que sai do aparelho é mais pesado e assim ele é distribuído de modo mais uniforme no ambiente.

Todo ar condicionado é uma bomba de calor: retira calor de um lado e coloca em outro. Quando se quer esfriar um ambiente, o calor é bombeado para fora da peça (é assim que “esfria”).

O ar condicionado split é composto por duas partes: a externa, chamada de condensadora e a interna, a evaporadora. Elas são interligadas por um conjunto de tubos e fios, isolados termicamente. A unidade evaporadora tem aletas que direcionam o fluxo de ar conforme desejado.

Muitas vezes, essas aletas quebram. Elas também são conhecidas como pás, lâminas, palhetas ou vanes. Vane é o termo em inglês que nomeia a pá de qualquer hélice, propulsor ou cata-vento, que movimenta-se devido à pressão do ar ou líquido sobre ela. Wheater vane, por exemplo, é aquele galo que aponta a direção do vento, colocado na rosa dos ventos e nas chaminés de antigas casas (aqui é conhecido por galo dos ventos ou galo de chaminé).

A aleta geralmente quebra na conexão com o motor que a movimenta. Era o caso do ar condicionado da figura 1. A aleta de baixo não se mexia mais, pois havia sido forçada manualmente. Demonstro neste post uma técnica muito simples para consertar a aleta, que inclusive a reforça.

Retirada da aleta

Este procedimento foi feito num ar condicionado Midea, de 9000 BTUs. Não foi necessário retirar a frente do aparelho. No caso de outros modelos e marcas, verificar com atenção a posição dos encaixes e o que talvez precise desmontar, para remover a aleta sem danos. O ar condicionado deve estar desligado e é necessário utilizar uma escada, que facilita a observação cuidadosa e um eventual esforço.

As figuras 2 e 3 mostram os locais de encaixe da aleta. Atentar que os pinos dos dois encaixes mais à esquerda são virados para o lado esquerdo, bem como os dois da direita são direcionados para este outro lado. A figura 4 mostra esta característica de modo mais claro. O encaixe do motor fica à direita.

Figura 2 – Encaixes da parte esquerda da aleta.

Figura 2 – Encaixes da parte esquerda da aleta.

Figura 3 – Encaixes da parte direita da aleta.

Figura 3 – Encaixes da parte direita da aleta.

Figura 4 – Desenho da aleta do ar condicionado Midea 9000 BTUs, as proporções estão incorretas, mas o formato é essencialmente este.

Figura 4 – Desenho da aleta do ar condicionado Midea 9000 BTUs, as proporções estão incorretas, mas o formato é essencialmente este.

Comece retirando a aleta pela extremidade oposta ao motor. No caso do Midea, foi iniciada a retirada pela esquerda. A aleta tem uma certa flexibilidade (se não estiver ressecada) e permite alguma torção. Foi retirado um encaixe de cada vez, da esquerda para a direita. NÃO FORCE, pois poderá quebrar mais peças. Trabalhe com a flexibilidade da aleta.

Cuide que os encaixes são lubrificados e podem estar sujos. Após a retirada da peça, pode-se redistribuir a graxa existente pelos 3 furos de encaixe, excluindo o motor. A graxa evita rangidos durante a movimentação das aletas.

Conserto da aleta

Por sorte, a peça estava inteira, não tinha perdido nenhum pedaço, era só colar. Infelizmente, não tirei foto da aleta quebrada, mas a figura 5 abaixo dá uma ideia das trincas.

Figura 5 – Desenho da extremidade da aleta quebrada. A aleta não está representada, a peça apenas trincou no encaixe com a engrenagem do motor.

Figura 5 – Desenho da extremidade da aleta quebrada. A aleta não está representada, a peça apenas trincou no encaixe com a engrenagem do motor.

Se a quebra ocorreu há bem pouco tempo, a parte danificada poderá ser colada diretamente, sem limpar, pois as faces rompidas ainda não foram contaminadas com sujeira.

Se for necessário limpar a área de colagem, utilizar papel toalha. Se houver graxa neste encaixe, é necessário limpar com algum solvente não oleoso (álcool isopropílico ou 92°, benzina, etc.). Pode-se também lavar duas vezes com água e sabão e enxaguar com jato forte de água, para retirar os resíduos. Deixar secar bem.

A parte quebrada é colada com cianoacrilato (Super Bonder, Bic Bond, Scoth Bond, etc.). Para impedir que a peça estrague novamente – pois a cola não recupera totalmente o dano – é necessário um reforço com um pedaço de mola, com o diâmetro certo para entrar justo. A mola também é colada. (figuras 6 a 9).

Figura 6 – Vista da parte colada I.

Figura 6 – Vista da parte colada I.

Figura 7 – Vista da parte colada II.

Figura 7 – Vista da parte colada II.

Figura 8 – Vista da parte colada III.

Figura 8 – Vista da parte colada III.

Figura 9 – Vista da parte colada IV.

Figura 9 – Vista da parte colada IV.

Caso não seja possível encontrar uma mola assim, pode-se enrolar duas ou três voltas de arame fino e mole, de ferro (não de aço), torcendo suavemente as pontas com alicate e cortando rente os excessos, como exemplifica a figura 10. Deve-se cuidar para que o arame não fique roçando em nenhum lugar, pois daí o estrago poderá ser maior, até quebrar a engrenagem do motor. Aliás, as aletas são mais frágeis para evitar a quebra de peças mais caras e de difícil manutenção.

Outra forma de reforçar a extremidade é utilizar uma lâmina de cobre ou latão, em forma de tubo, soldada com estanho, de maneira que entre justo na peça, como exemplifica a figura 11. É como se fosse vestir uma “camisa” sobre a parte quebrada. É conveniente que a peça esteja com a cola bem seca.

Figura 10 – Exemplo de colocação de arame para reforçar uma rosca ou encaixe plástico.

Figura 10 – Exemplo de colocação de arame para reforçar uma rosca ou encaixe plástico.

Figura 11 – Camisa de sobrepor, em forma de tubo, encaixada justo na peça plástica, com a mesma finalidade da figura 10.

Figura 11 – Camisa de sobrepor, em forma de tubo, encaixada justo na peça plástica, com a mesma finalidade da figura 10.

Figura 12 – Peça moldada à venda no ML. Fonte: Mercado Livre [1].

Figura 12 – Peça moldada à venda no ML. Fonte: Mercado Livre [1].

Se faltar alguma parte da peça quebrada, pode-se refazê-la com adesivo acrílico de odontologia, cuja técnica de aplicação tratei em outro post, aqui.

Também pode-se substituir a parte quebrada por uma peça moldada (figura 13). É o que vi num anúncio do ML [1]. O vendedor se propõe a fazer a peça conforme solicitado. Não conheço o vendedor, nem ganho qualquer coisa com isso, apenas considero como mais uma opção de conserto. Se esse plástico aceitar adesivo de cianoacrilato, também poderá ser colado com a resina acrílica odontológica.

Remontagem da aleta

Para recolocar a lâmina no split, ele deve estar desligado, com as aletas fechadas. A remontagem é feita no sentido inverso: começa-se pelo encaixe do motor, colocando os pinos da direita para a esquerda. Remontar foi um pouco mais difícil do que retirar, pois a aleta tem agora uma posição que deve ser respeitada (figura 13). Observar que a aleta inferior fica por fora da superior, pois na hora de abrir, ela é que sai na frente (figura 14). Novamente, faça com cuidado e sem forçar, aproveitando a flexibilidade da aleta (figuras 15 a 17).

Figura 13 – Último encaixe da aleta

Figura 13 – Último encaixe da aleta

Figura 14 – Sobreposição das aletas.

Figura 14 – Sobreposição das aletas.

Figura 15 – Lado esquerdo do aparelho.

Figura 15 – Lado esquerdo do aparelho.

Figura 16 – Lado direito do aparelho.

Figura 16 – Lado direito do aparelho.

Figura 17 – Aparelho pronto.

Figura 17 – Aparelho pronto.

Por hoje era isso, aguardem para breve outros posts, estão demorando porque a 3a parte dos Filamentos LED absorve bastante…

Referências

[1] Mercado Livre – Aleta ar condicionado split reparo – http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-761670751-aleta-ar-condicionado-split-reparo-_JM?source=gps

\ep/

Anúncios
  1. 12 de setembro de 2017 às 09:27

    Bom dia! Parabéns pelo texto, não havia encontrado nada na internet sobre o assunto! E um cliente acabou me enviando o link. Eu sou o vendedor do Mercado Livre das peças. Um amigo estava com problema nessa peça e desenvolvi para ele e vi que muitas pessoas tinham esse problema e resolvi comercializar! Até hoje nunca tive reclamações dos clientes que compraram mais de 100 unidades! Precisando estou a disposição, vou deixar meu email disponível para que possam entrar em contato caso tenham alguma duvida: thiagopelluso@hotmail.com

    • 16 de setembro de 2017 às 01:00

      Olá, Thiago, muito obrigado pelo recado, está anotado. A internet é ideal para isso: propagar informação e viabilizar negócios!

  2. caio ludo
    23 de janeiro de 2017 às 23:43

    Sei que vou fugir um pouco do assunto, mas preciso perguntar..
    Tenho uma tomada no quarto onde uma mancha teima em aparecer na parede logo acima desta tomada. Já pintei a parede varias vezes e a mancha sempre volta no mesmo lugar encostado a tomada. Ouvi dizer que essa mancha meia-escura pode ser causada por problema no fio da tomada. O que acha?

    • 31 de janeiro de 2017 às 00:01

      Caio, eu diria que provavelmente seja uma infiltração de água, vinda do teto ou de uma rachadura na parede, que faz descer umidade por fora do conduíte, chegando até a tomada da parede.

      Mas é só uma opinião, teria que observar melhor em que dias que piora. Porque fios dentro de tomadas não conseguem, que eu saiba, interferir em materiais de construção, como um reboco. Só se a tomada está utilizando aquelas perigosas eletrofitas, que trafegam a rede elétrica em tiras chatas, pintadas rente à parede.

  1. No trackbacks yet.

Colabore para melhorar este texto

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: