Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘TL431’

DICA – Ajuste de corrente para o carregador “Nikon” MH-61

1 de maio de 2018 4 comentários
Figura 1 – Carregador “Nikon” MH-61 e baterias EN-EL5.

Figura 1 – Carregador “Nikon” MH-61 e baterias EN-EL5.

Conheça as baterias de lítio

O carregador externo MH-61 é utilizado nas baterias de íons de lítio modelo EN-EL5 (figura 1), que são a fonte de energia de diversos modelos de máquinas fotográficas da Nikon, como Coolpix P90, P100, P500, P510, P520, P530 e P6000, segundo o fabricante.

Mas, após completada a carga, muitas vezes aconteceu da bateria ficar estufada. Para resolver o problema, foram trocados alguns componentes na placa do carregador. O artigo também aborda as características das baterias de lítio e o modo para carregá-las corretamente.

A Nikon informa menos modelos de máquinas compatíveis com a bateria EN-EL5 do que os vendedores na internet. Um deles diz que essa bateria serve nas Nikon Coolpix 3700, 4200, 5200, 5900, 7900, P3, P4, P5000, P5100, P6000, P80, P90, P100, P500, P510, P520, P530 e S10.

Leia mais…

Anúncios

TÉCNICA – Conserto de fonte chaveada com saída variável de 12 até 24V

6 de junho de 2013 69 comentários
Figura 1 – Fonte chaveada com saída variável de 12 a 24V.

Figura 1 – Fonte chaveada com saída variável de 12 a 24V.

As fontes chaveadas pequenas tornaram-se muito populares, desde que seu preço reduziu a ponto de custarem, atualmente, menos que as fontes lineares, que utilizam transformador com núcleo de ferro-silício e trabalham a 50 ou 60Hz.

O baixo preço, aliado ao pequeno peso e tamanho, faz destas fontes uma opção atraente para os mais diversos usos, especialmente as que tem potência abaixo de 150W.

Mas as fontes genéricas, de marcas desconhecidas, tem projetos simplificados ao máximo, a qualidade da montagem costuma ser sofrível, além de empregarem componentes de qualidade duvidosa, utilizados muito perto de seus limites. Tudo para manter o custo baixo. Isto as torna muito frágeis e geradoras de interferências, já que os fabricantes negligenciam as proteções eletromagnéticas.

Neste post, abordo o conserto e a melhoria – dentro do possível – de uma destas fontes (figura 1), que tem saída estabilizada, em passos de 12 a 24V, selecionáveis em 7 posições. A potência varia conforme a tensão de saída (a corrente máxima é 4,5 ou 5A). Em 12V, fornece 54W, ao passo que com 24V, chega a 120W. Ela pode alimentar notebooks.

Leia mais…